(Dragon Age: World of Thedas Volume 1, tradução nossa)

A magia não é toda poderosa. Há limites que nem mesmo os maiores magos superaram.

 

limitemagia

Idade: A capacidade de usar magia normalmente emerge na adolescência. As crianças podem ser criadas para se tornarem magos, mas geralmente suas habilidades não se manifestarão até atingirem a puberdade.

Entrar Fisicamente no Imaterial: Quando a mente entra no Imaterial, o corpo fica para trás. objetos físicos não podem entrar ou sair do Imaterial. Apenas uma vez essa barreira foi quebrada na antiga Tevinter. Os feitiços usados pelos magistrados para entrar fisicamente no Imaterial necessitam dois terços de Lírio no Imperium, bem como o sangue de centenas de escravos.

Tarefas Mundanas: A maioria dos magos são ensinados a usar a magia somente quando necessário. Assim como um espadachim não usaria uma espada para cortar legumes, magia não é usada tipicamente para colher maçãs ou arrumações domésticas.

Artefatos Poderosos: Como magos, itens encantados são incapazes de quebrar as regras da magia comum. Itens encantados não podem ressuscitar os mortos ou fisicamente entrar no Imaterial. Poderosos itens encantados e artefatos são raros e difíceis de produzir.

Restauração da Vida: A vida é finita. Um verdadeiro grande curandeiro pode trazer alguém de volta do precipício da morte, mas não pode usar magia para trazer uma pessoa morta de volta à vida. A única maneira conhecida de manter alguém vivo que deveria estar morto é através de possessão por espíritos, uma ocorrência que é excepcionalmente rara e perigosa.

Viajar Grandes Distâncias: Os magos não podem se teletransportar ou viajar grandes distâncias físicas usando magia.

 

Referência

Dragon Age: World of Thedas Volume 1 , p. 95