Disciple_Havard-horz

Havard era o amigo mais próximo de Maferath. Eles foram crianças juntos no mesmo clã Avvar. Eles lutaram lado a lado em tantas batalhas que Maferath o apelidou “Havard a Égide”, melhor para ter ao seu lado do que qualquer escudo.

Maferath levou Havard com ele para se encontrar com os tevinteranos; era impensável ficar diante de seus inimigos sem sua Égide.

Quando ele entendeu que Maferath estava entregando Andraste para ser executada, Havard, relutante em desembainhar sua espada contra seu amigo e senhor, se colocou entre Andraste e os soldados de Tevinter. Os Tevinteranos o golpearam e Maferath o deixou para morrer.

Mas Égide não foi tão facilmente destruído. Havard sobreviveu e fez seu caminho, gravemente ferido, para os portões de Minrathous para impedir a execução. Tarde demais. Ele encontrou apenas as cinzas da profetisa, deixadas à chuva e ao vento. Quando seus dedos tocaram as cinzas, seus ouvidos se encheram de canção, e ele teve uma visão de Andraste vestida em um tecido da luz das estrelas. Ela ajoelhou ao seu lado, dizendo, “Levante-se, Égide da Fé, o Criador nunca se esquecerá de você contanto que eu me lembre”.

Seus ferimentos se curaram instantaneamente. E com forças renovadas, Havard recolheu os restos mortais de Andraste e os carregou em segurança de volta às terras dos Alamarri.

Traduzido por Mey Linhares.