2nd_playthrough___bodahn_and_sandal_by_yaralia-d8jcsi2

Em Orzammar, a sociedade dos anões é dividida em castas rígidas com casas que competem por poder e prestígio. Mas tudo isso é rejeitado quando um anão abandona a Pedra e vai para a superfície. Sob o céu aberto, todos os anões são iguais. Ou essa é a história que contam.

A verdade é que milhares de anos de tradição não são colocados de lado tão facilmente. Apesar de anões da superfície deixarem oficialmente de pertencer a suas castas, muitos mantêm uma hierarquia seguindo as antigas linhas de casta. Casas nobres são tratadas com mais respeito do que os sem casta que sobem em busca de oportunidades. Os anões “nobres” mais pobres na superfície olham para os anões ricos de “casta inferior” com desprezo.

A sociedade dos anões de superfície de classe alta é dividida em dois grupos: Kalnas, que insistem em manter a casta e posição (tipicamente aqueles de famílias de Casta Nobre ou Mercante) e ascendentes, que acreditam em deixar as tradições de Orzammar no subsolo e adotar a vida no mundo iluminado pelo sol. Manter algum vínculo com Orzammar era considerado por gerações a única salvação para anões de superfície. Levar produtos da superfície para parentes embaixo da terra, e lírio e metais à superfície não era apenas o modo mais lucrativo de ganhar a vida, mas também um tipo de dever sagrado, pois muitos anões de superfície aceitavam de bom grado o exílio e a perda da sua casta para servir melhor a sua casa ou o patrono. Nos anos recentes, muitos anões de superfície, especialmente ascendentes, diversificaram seus negócios. Eles abriram bancos, companhias mercenárias e caravanas terrestres de comércio. Eles se tornaram investidores e especuladores no comércio totalmente superficiano. Esses novos setores se mostraram fontes enormes de riqueza, mas são desdenhados pelos seus parentes mais conservadores.

Para os anões de superfície menos abastados, a associação com Kalnas poderosos pode abrir muitas portas. Eles podem conseguir crédito com mercadores anões e, às vezes, receber oportunidades de trabalho da poderosa Guilda dos Mercadores dos Anões mais rapidamente do que indivíduos mais qualificados, porém com menos contatos.

– De O Guia de Campo da Matrona para a Boa Sociedade, por Dama Alcyone

Agradecimentos à Akimi Yamaki.